Anthonia Helayel – Topo

As necessidades humanas primordiais: A base de uma vida feliz

Por Katia Nascimento

people-2567915_960_720

Em homenagem às minhas amigas de infância e das lembranças compartilhadas, eu resolvi escrever este texto.

Sabe, muitas vezes a nossa alma fica fraca e o coração apertado (todo mundo sente isso em algum momento da vida), mas se você tem amigos de verdade (mesmo que não os veja todos os dias), esta sensação fica mais leve.

Hoje, nós nos recordamos de passagens bem peculiares da nossa pré adolescência / juventude e foi tão gostoso recordar. A lembrança nos faz revisitar momentos mágicos da nossa história e nos traz o conforto do amor e supre uma das necessidades fundamentais primordiais do ser humano: A significância e o Amor e Conexão.

Não importa quem você seja no mundo, ou o que faça, há uma força comum que motiva e molda todas as nossas emoções e ações. Isso determina a qualidade da nossa vida e, sendo assim, ajuda a moldar as nossas vidas.

Existe 6 forças motrizes fundamentais dentro de cada um de nós. Estas são acionadas a partir de que as necessidades humanas primordiais são satisfeitas e que nos compele a buscar vivenciar uma vida com mais significado.

As necessidades são: certeza, variedade, significância, amor e conexão, crescimento e contribuição.

1) Todo mundo precisa de ter certeza sobre as necessidades básicas, como, comida, abrigo, segurança, entre outras; 2) Todo mundo tem a necessidade de mudar seu estado constantemente (exercitar seus corpos e emoções), seja por exercício físico, mudanças de humor, entretenimento e até comida acredita?; 3) Todo mundo precisa se sentir especial de alguma forma. Nós buscamos ter reconhecimento  vindo dos outros e de nós mesmos (quando escolhemos nos amar, este reconhecimento próprio acontece naturalmente); 4) Outra questão é que precisamos nos sentir conectados com alguém ou algo, seja uma pessoa, um ideal, um valor, um hábito ou um sentido de identidade; 5) Outro ponto é relacionado ao crescimento. Tudo no mundo, amor meu, está crescendo ou morrendo. Então se você não está se desenvolvendo, sinto informar que… rs; 6) e finalmente, nós temos a necessidade de se sentir realizado contribuindo com o outro de alguma forma.

Sabia que, quando você começa a observar mais o seu dia, você se sente mais feliz e realizado? Geralmente as pessoas vivem tão no piloto automático que não param para sentir o que de lindo aconteceu na sua vida.

Hoje, por exemplo, a partir das lembranças das minhas amadas amigas de infância, eu pude acessar o quanto sou sortuda por ter amigas de tantos anos e como elas são significativas na minha vida. O quanto tê-las “presente” na minha vida faz toda a diferença e o quanto elas me ensinaram a viver e ser quem eu sou.

Assim, minhas necessidades de amor, significância e variedade foram totalmente atendidas. Pois tenho a certeza do quanto fui e sou amada, o quanto elas são importantes para mim e para minha caminhada e o como a minha emoção é trabalhada a cada lembrança. Quanto aprendizado estas interações me traz. Gratidão meninas!

Portanto, quero te fazer um convite: Pega agora, seja no facebook, whatsapp, telegrama, telefone, orelhão rs, pombo correio, qualquer coisa… mas entre em contato com aquela amiga, ou amigo, que te traz recordações que enchem a sua alma de amor e gratidão. Te provoca aquela risada gostosa que lava a tua alma de qualquer tristeza. Tenho a certeza que seu final de semana será muito mais gostoso e sua próxima semana bem mais produtiva.

Depois me conta o resultado, vou amar saber.

Beijooooooooooooo

katianascimento@folharj.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *