Chelle Oliveira 1

Bela Vista contrata técnico Leonardo Santos para comandar Sub 20

Por Edir Lima

Foto: Jorge Fazolo

Foto: Jorge Fazolo

Disposto a investir nas divisões de base, o Bela Vista, de Niterói, começou pela comissão técnica. O clube acertou a contratação do técnico Leonardo Santos para comandar o time na categoria Sub 20 na terceira divisão do Campeonato Carioca de 2017. Experiente no trabalho com jovens atletas, o técnico lidera ainda um projeto social ligado ao esporte, com 150 atletas, de 13 a 24 anos, ensinando não só fundamentos de futebol, mas valores que valorizam o cidadão. Bruno Paulo, que atua no Corinthians, foi um dos seus pupilos.

A classificação para as quartas de final da Copinha, em 2015, marcou sua passagem pelo Bela Vista. Além de estrategista que valoriza e inova nas variações táticas, Leonardo destaca-se pelo carisma com os jogadores.

“Essa é a segunda oportunidade que tenho de participar desse projeto que se chama Bela Vista. Em 2015, tive a possibilidade comandar o profissional montando 50% do elenco, onde cheguei até às quartas de final de uma competição promovida pela Federação de Futebol do Rio de Janeiro. Além do título que conquistei nos juniores, em 97, como jogador”, disse, orgulhoso.

Leonardo Santos vibrou com a chance de chamar 10 atletas de seu projeto social, o ‘Sociedade Desportiva Juventude’, muito conhecido na região, além de convidar Atyla Elir para auxiliar-técnico e o preparador físico Danilo Coutinho para a comissão técnica.

“O projeto tem o objetivo de tirar o jovem da rua, do vício, proporcionando a prática no futebol. Alguns já estão encaminhados e tentam a sorte em outras equipes. Quero dar a eles a oportunidade que não tive de um profissional me ensinar a jogar melhor e encaminhar para um clube”, comenta o técnico Leonardo.

As aulas são realizadas em dois locais – Concha Acústica de Niterói (terça e quinta-feira) e no campo do Serrano, no Salgueiro (quarta-feira), sempre de 15h às 18h. Tudo de graça. O projeto também abriga jogadores inativos, que buscam novas oportunidades no esporte.

Apesar do 0800 do projeto ‘Sociedade Desportiva Juventude’, Leonardo dos Santos chama a atenção para a necessidade de contar com parceiros. Ele lembra que investir no esporte gera incentivos fiscais para empresas, além de proporcionar qualidade de vida para os atletas e a chance de sonhar com uma chance em um grande clube.

“Se tivéssemos empresas colaborando com o projeto, poderíamos investir em uniformes, bolas, equipamentos para os treinos e, quem sabe, na contratação de outros profissionais para a preparação e treinamentos. Muitos talentos se perdem pelo caminho por não ter o mínimo de estrutura para se manter no futebol”, analisa o treinador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *