Chelle Oliveira 1

Homeopatia: medicina ou charlatanismo? Remédio ou Placebo?

Por Caetano Tavares

HomeopatiaA Homeopatia está para a Alemanha como a Acupuntura para a China e o Ayurveda para a Índia. Como negar a seriedade de uma medicina complementar alternativa e seus benefícios, se 75% dos médicos alemães reconhecem e utilizam-na? Estamos falando, nesse argumento, de um dos países reconhecidamente de alto nível na educação e detentor de liderança tecnológica mundial. No entanto, a homeopatia é uma especialidade médica em muitos países, inclusive no Brasil (onde é uma das especialidades aceitas pelo Sistema Único de Saúde). A homeopatia é mundialmente recomendada pela OMS (Organização Mundial da Saúde), mas, por outro lado, a mesma OMS a condena para doenças graves como malária, tuberculose, AIDS, gripe e diarreia infantil. E então, homeopatia é medicina ou charlatanismo? Remédio ou Placebo?

O médico Christian Friedrich Samuel Hahnemann – ou Dr. Samuel Hahnemann – não poderia imaginar que, desde a publicação da primeira edição de seu “ORGANON da Arte de Curar”, em 1810, tanto se usaria, falaria ou polemizaria sobre sua exposição da doutrina homeopática e sua prática. Na verdade, o Dr. Hahnemann não é o criador da homeopatia, mas seu codificador, já que – antes de seu ORGANON – sistematizara os conhecimentos homeopáticos através de seu “Ensaio sobre um novo princípio para descobrir as virtudes curativas das substâncias medicamentosas, seguido de alguns comentários a respeito dos princípios aceitos na época atual”, em 1796.

Dr. Hahnemann é nascido na Saxônia e isso explica, também, por que os alemães fazem tanto uso de homeopatia. De acordo com uma pesquisa da Associação Alemã dos Médicos Homeopatas, naquele país existem mais de 124.600 médicos e, entre eles, três em cada quatro prescrevem remédios homeopáticos. Ainda mais interessante é a credibilidade da homeopatia em território alemão: de acordo com pesquisa do semanário FOCUS, 75% dos pacientes pesquisados tinham confiança nos resultados da acupuntura e 71% nos efeitos dos medicamentos homeopáticos.(*)

Enquanto isso, em território nacional brasileiro, continuamos nossos debates sobre a eficácia – ou não – da homeopatia como especialidade médica. Mas isso não é exclusividade nossa. No mundo todo o debate acontece, especialmente quando uma cura atribuída a um tratamento homeopático se confronta com concepções, culturas, ideias e, principalmente, poderosos interesses em jogo.

Não nos faltarão oportunidades de publicar argumentos mais pragmáticos, especialmente sobre o princípio homeopático de que “semelhantes curam semelhantes”, assim como sobre o fato de que os estudos oficiais não comprovam, até hoje, que a homeopatia seja eficaz ou tenha simples “efeito placebo”. Enquanto a polêmica continua, os casos de cura continuam sendo registrados.

Fique ligado nessa coluna. Acompanhe também o CURA Brasil 2016: o PRIMEIRO FÓRUM BRASILEIRO ONLINE SOBRE TERAPIAS ALTERNATIVAS, que tem o Apoio Cultural da Folha do Rio de Janeiro. Participar do CURA Brasil é transformador, porque você encontra a confiança e a disciplina necessária para agir decisivamente em direção ao controle de sua saúde e à qualidade de vida.

Para saber mais sobre o CURA BRASIL 2016, faça sua pré-inscrição (gratuitamente) no link http://www.curabrasil.com.br . A Organização do evento encaminhará ao seu e-mail todas as novidades que antecederem ao evento.

FOLHA RJ e CURA BRASIL: Vida Saudável é Vida Feliz.

Notas:
(*)FONTE: http://www.publico.pt/sociedade/jornal/homeopatia-vinga-na-alemanha-123475

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *